Concecte-se ao Facebook Racecross Concecte-se ao Twitter Racecross Concecte-se ao Linkedin Racecross Concecte-se ao Google+ Plus Racecross Concecte-se ao Canal Youtube Racecross
3a etapa Campeonato Brasileiro de Velocross 2018
sexta-feira, 20 de julho de 2018 | Categoria Velocross

Anápolis tem número recorde de inscritos em prova conjunta de Velocross
Postado em 16/07/2018 às 10h21min por FGM
Anápolis tem número recorde de inscritos em prova conjunta de Velocross
Brasileiro de Velocross.

Fantástica, assim foi a 3ª etapa do Campeonato Brasileiro de Velocross realizada em Anápolis juntamente com a 3ª etapa do Campeonato Goiano de Velocross.

Segundo os pilotos, esta foi uma das melhores provas do ano até o presente momento, pista bem tratada, terreno bem preparado, manutenções em dias e um visual incrível, sem falar do nível técnico do traçado desenhado especialmente para a etapa, que proporcionou muitos pegas e muita emoção a todos os espectadores que se fizeram presentes.

“Podemos dizer que é um recorde de pilotos, cerca de 250 inscritos, realmente acima do que esperávamos, fruto de muita dedicação e esforço, sempre respeitando os pilotos e familiares, pensando sempre na segurança de todos, só temos que agradecer muito a cada um dos pilotos que estiveram presentes em Anápolis, os pilotos goianos que fizeram bonito comparecendo em peso e a todos os pilotos de diversos estados, que chegaram a rodar 1700 km para nos prestigiar, o nosso muito obrigado!” – são as palavras de Wesley, o Pakito, organizador da prova, “Nossa atenção especial foi voltada ao tratamento do terreno, que começou a ser molhado alguns dias antes da realização da prova, para após passarmos a grade, foram utilizados dois tratores com as grades, quatro caminhões pipa e uma motoniveladora, não medimos esforços para que tudo estivesse perfeito para os competidores!”, completou Pakito.

“Ouvimos diversos elogios de vários pilotos, pela organização, estrutura e nível técnico da prova e competidores, Anápolis elevou o Brasileiro de Velocross a outro patamar, podemos dizer que com o recorde de pilotos desta etapa, o campeonato caminha para o ápice, sem dúvida nenhuma, a etapa coloca a competição no hall dos maiores campeonatos da CBM, com talvez o maior número de pilotos em uma prova da categoria.” – cita Jair Costa, presidente da Federação Gaúcha de Motociclismo e diretor de Velocross da CBM, que também esteve presente em Anápolis.

A VX1 foi vencida por Rafael Faria, seguido por Matheus Klysman em segundo, Lucas Bottcher em terceiro, Jacson Keil em quarto e Julio Wessling em quinto.

Na VX2, Rafael Faria também levou a melhor, com Matheus Klysman também em segundo, Rodrigo Taborda em terceiro, Julio Wessling em quarto e Luiz Filipe em quinto.

A VX3, o melhor foi o piloto da casa Wolney Ferreira, o Fiquei, com os também goianos Claudner Rocha em segundo e Paulo Eurípedes em terceiro, Fabricio Ramazzini em quarto e Avenir Alves em quinto.

Na VX3 Nacional, Wolney Ferreira mais uma vez foi o melhor, seguido por Elder Piroli em segundo, Paulo Eurípedes em terceiro, Sandro Alexandre em quarto e Marcio Alarcon em quinto.

Wolney Ferreira estava impossível, vendendo ainda a VX4 Nacional, com Elder Piroli em segundo, Sandro Alexandre em terceiro, Wanderley Cezar em quarto e Mário Assmann em quinto.

Em não parou por aí, na VX4, mais uma vez, Wolney Ferreira foi o vencedor, com Braz E. dos Santos em segundo, Giovane Pick em terceiro, Rodrgo Volcan em quarto e Sandro Alexandre em quinto.

Já entre a criançada, o goianinho Jose Arantes Braulio foi o vencedor da categoria VX65, seguido por Kaua Eduardo em segundo, Bernardo de Cesaro em terceiro, Pietro Dalla em quarto e Gustavo Marucicio na quinta colocação.

Nas motos nacionais, a categoria VX230 foi vencida pelo piloto Jacson Keil, com Rafael Faria em segundo, Alex Junior em terceiro, Rodrigo Taborda em quarto e Matheus Klysman na quinta posição.

A VXJr, o vencedor foi Carlos Augusto, com Jorge Marcos em segundo, Luiz Filipe em terceiro, Pietro Dalla em quarto e Bernardo de Cesaro em quinto.

Na VX Força Livre Nacional, a vitória ficou com Matheus Klysman, Jacson Keil foi o segundo colocado, Jean Grosskop o terceiro, Leandro Matos o quarto e Rafael Pereira, piloto da casa, na quinta colocação.

Texto: Danyllo Proto | MXGO.com.br





Conteúdo e Administração do site: Tiago José Wolff | Desenvolvido por Redwave Anderson S. Silva